Canto Gregoriano no Mosteiro de São Bento

mosteiro-2

Aviso aos navegantes que se forem religiosos ou buscam algo do gênero, é melhor pararem por aqui. Simplesmente, vou contar uma história e não serei nada politicamente correta, ok?

Estava meio de preguiça na cama, Luiz passa e me diz que um casal de amigos nos chamou para ir a um brunch no domingo. Tratava-se de um passeio ao Mosteiro de São Bento, com direito a ouvir canto gregoriano. Puxa, me pareceu sensacional! Adoro brunch, curto canto gregoriano e seria interessante conhecer o Mosteiro.

Porque, lógico, o sacana do meu marido só me contou as partes que me interessavam, né?

Não gostei muito de acordar cedo no domingo, mas vá lá, um passeio diferente, cultural, depois ainda encontraríamos esse casal de amigos, legal! Chegamos no local marcado, ligamos para eles e nos responderam que estavam dentro, guardaram lugar para a gente nos bancos na frente da igreja.

Hein? Como assim nos bancos da igreja? Tenho que assistir uma missa inteirinha para poder comer? Luiz fez cara de paisagem e lá fomos nós achar nossos amigos, que realmente haviam conseguido um lugar ótimo na igreja lotada!

Muito bem, é público e notório as minhas tendências religiosas, ou melhor, a total falta delas! Não é segredo para ninguém, muito menos para esses amigos, que sou ateísta. Nunca me incomodou a crença alheia ou me ofendeu estar presente em ambientes religiosos, acho até as igrejas bonitas e tal, mas daí a encarar uma missa logo no domingo de manhã… também não vamos forçar a amizade.

Mas não tinha jeito, está na chuva… só cochichava rindo no ouvido da minha amiga: me aguarde que isso vai te sair caro!

Um sono do caramba! De vez em quando, dava aquela fingida que estava rezando para cochilar um pouco, mas era complicado porque estávamos bem na frente e é um tal de levanta, senta, fala…

O canto gregoriano é durante a missa. Não é um momento ou um lugar que eles fazem uma apresentação específica dos cânticos. É bonito, mas estavam um pouco desfalcados nesse dia e nem dá para curtir ou entrar no clima, porque são trechos curtos ao longo do sermão. Que aliás, não me lembro do que se tratava.

Muito bem, uma hora acabou e eu pensei, pronto, paguei minha penitência! Uma fome louca! Quase fui comungar só por causa da hóstia! Mas está bem, vamos respeitar as crenças.

Daí seguimos para onde nos mandaram e eu crente que seriam as mesas! Nada, era um pequeno teatro, até legal e de boa acústica. Havia uma outra atividade cultural. Foi a apresentação de um coral de Alphaville. Todo mundo já rindo, olhando para minha cara e esperando meu ataque de piti! Mas a verdade é que, fora a fome, gosto de corais.

O maestro se apresentou e nos contou o que cantariam em três fases. Pois é, a segunda fase se tratava de todos os cânticos da missa…

E eu, mas outra vez? Tinha nada mais original não? Vou escutar a missa duas vezes na mesma manhã? Só virava para meus amigos: gente, vou matar vocês! Juro, se eu chegar no brunch e for aquela coisinha austera, com meia dúzia de bolinhos de chuva feito pelas freiras, vai rolar sangue…

Minha amiga morrendo de rir, se vangloriando do dia em que ela me fez ouvir duas missas seguidas! Menos mal que o final da apresentação do coral era Vivaldi, para dar uma melhorada nos ânimos.

Finalmente, chegamos ao salão do brunch e serei justa, tudo muito bonito e bem organizado. A essa altura, já sabia todo o menú e parecia tentador. Nos sentamos, todas as mesas definidas, nome de todos nas cadeiras, tudo direitinho. Ótimo! Podemos começar?

Não.

O padre pegou um microfone que não dava para entender nada que estava sendo dito, mas todo mundo levantou e teve que rezar um Pai Nosso e uma Ave Maria antes da refeição. Afinal, depois de uma missa falada e outra cantada, ninguém tinha rezado o suficiente, né?

Daí sim, liberados para a refeição. Achei tudo muito gostoso e bem feito, para o alívio dos nossos amigos. Ainda que eu seguisse como a piada na berlinda.

Em seguinda, há um passeio pelo Mosteiro, guiada pelo padre, que ia nos contando a história do edifício e alguns eventos que se passaram por ali. Gostei do passeio também. Acabamos em uma capela e eu já meio com medo, gente, não é possível, caraca, vai vir a terceira missa!

Não veio, só fazia parte do passeio.

Para finalizar, nos enviaram novamente à igreja, mas a essa altura e bem alimentada, fui bastante clara, gente, de igreja já estou bem, deu minha cota! Daqui sigo meu caminho!

Eles também não se interessaram em ficar, dei uma desculpa educada aos organizadores que tínhamos um pouco de pressa e não podíamos ficar até o final e dali nos despedimos.

Conto tudo de maneira irônica porque não sou religiosa e não tinha a menor idéia do que me aguardava. Mas não quero passar a imagem de que o passeio não é legal. É bacana, desde que você saiba o que está fazendo e não vá de gaiata igual a mim! E apesar dos pesares, foi um domingo diferente, de uma maneira torta, acabei me divertindo e comendo muito bem!

Além do que, o casal que nos levou não sabe quando… nem o que será… mas sabe que podem me aguardar que o troco chegará…

2 comentários em “Canto Gregoriano no Mosteiro de São Bento”

  1. Hola Bianca sei como voce se sente quando meu marido morreu fizeram de tudo pra eu voltar pro Brasil, afinal nao sou espanhola soua italiana e moro sozinha na Espanha numa cidade de 500 pessoas numa casa enorme, mas sabe o que nao pude, me deram as melhores condiçoes mas nao pude, nao consigo mais viver com medo esse medo fisico, moro ha 16 anos na Galicia e nao vejo minha vida fora daqui, te entendo muito bem vou ao Brasil sempre e a Alemanha tambem onde vive minha filha mas minha casa o lugar al qual eu pertenço è aqui na Galicia.
    beijos

Seja bem vindo a comentar! Sua resposta pode demorar um pouco a ser publicada.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s