86 – E lá vamos nós!

Ainda sobraram alguns dias de férias para o Luiz e aqui não tem esse negócio de vender ou adiar férias, ou você tira ou perde. E claro, todo mundo tira. Muito bem, sendo assim, já que insistem né, lá vamos nós!

 

Temos um casal de amigos brasileiros que está morando há pouco tempo na Suíça, os mesmos que encontramos em Val d’Isere no reveillon. Vamos visitá-los e passar uma semana na casa deles. Ou seja, outra viagem que promete ser um festival gastronômico. Cassilda, desse jeito, daqui há pouco não passo pela porta! Não há regime que sobreviva!

 

É verdade que eles moram bem perto de uma estação de esquis, assim que tentaremos compensar o acúmulo de calorias. Vamos ver se a neve colabora. Ano passado nos divertimos bastante na pequena pista de neve artificial do Xanadú, mas a verdade é que agora ela se tornou um pouco entediante. Nunca imaginei que chegaria a esse ponto, logo eu que pensava que nunca passaria da pista de debutantes. E aqui estou, meio marrenta, reclamando até da pista principal.

 

Dessa vez, Jack não vai. Ficamos com pena de levá-lo para mais uma viagem. Além do mais, vamos de avião e ele sente mais do que de carro. Daí pensamos se algum amig@ gostaria de ficar aqui em casa com ele. Até temos quem venha alimentá-lo e limpar a areia, mas a verdade é que nosso gato, diferente dos esteriótipos felinos, sente falta de gente e o ideal seria alguém dormir por aqui,

 

Lembramos de um amigo que estava morando um pouco longe do centro e, de repente, para ele seria legal passar uma semana por essas bandas. Pois foi a maior coincidência, ele estava realmente querendo mudar para um local mais perto e seria mais fácil ter alguns dias para procurar um apartamento com calma. Ele perguntou se poderia vir uma semana antes e, para ser sincera, achei até melhor, pois assim o Jack ia se acostumando com ele. Veio com sua namorada e estão aqui em casa.

 

O lado engraçado, bom e, ao mesmo tempo engordativo, é que cada dia um vai para a cozinha se exibir um pouco. Aí já viu, lá vou eu saindo da dieta. Começou no sábado, quando ofereci um jantar para uma amiga que está indo embora de Madri. Caprichei e o evento foi apelidado de festa de Babete. Pronto, depois disso, quem é que queria ficar por baixo? Todo dia tem pudim, quiche assim assado, vinhozinho etc… ai, ai… E o pior é que eles estavam fazendo a dieta de Atkins! Eu achando que iria entrar na deles e no final, saiu todo mundo pervertido! Sou mesmo uma péssima influência!

 

Enfim, dessa vez vou colocar a culpa toda no Jack. Se não fosse nosso felino metido, quem sabe já teria voltado ao meu peso. Por outro lado, não teria sido tão divertido.

 

Amanhã a gente viaja e só volta pelo dia 15 de fevereiro, bem a tempo de ver a ARCO, o evento de arte mais importante da Espanha.

 

A propósito, na mala vai jamón ibérico de bellota e salchichón, lógico! Joder tío, vai ser gulosa assim lá longe!

Seja bem vindo a comentar! Sua resposta pode demorar um pouco a ser publicada.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s