69 – O superacelerador de partículas

Aguém prestou atenção na notícia do acelerador de partículas? A máquina mais poderosa do mundo.

 

Não me lembro mais onde li algo como, a melhor maneira de guardar um segredo é que todos o conheçam. Eu sei que sou a rainha da conspiração, mas por favor, outros neuróticos se manifestem!

 

Não sou contra, nem faço parte da ala profética que acredita que o mundo vai acabar através de um imenso buraco negro por causa isso. Aliás, essa historinha do teórico buraco negro me parece muito mais cortina de fumaça. Só acho que um evento dessa proporção está passando quase despercebido. Fico na dúvida se a imprensa não entendeu, se o público não entendeu ou se tem gente querendo muito que não seja entendido mesmo. Provavelmente, um conjunto de tudo isso.

 

Pelo menos por essas bandas, as notícias na TV foram quase patéticas e mais preocupadas em ridicularizar o tal do buraco negro do que explicar do que se tratava o assunto. Só consegui me informar melhor pela internet e mesmo assim mais ou menos. Ou seja, a informação é pública, mas passa no mesmo nível de importância das previsões metereológicas para a próxima semana.

 

Estamos simplesmente falando da possibilidade de recriar as condições no universo pouco depois do “Big Bang”, o que por si só é algo fantástico, quase ficção científica. Mas para os céticos, como eu, que não acreditam que se invista pura e simplesmente para o conhecimento e evolução humana, sejamos práticos, ninguém gasta mais de 10 bilhões de dólares em algo experimental se a contrapartida não puder compensar. Então, de que raios (ou Hádrons) estamos falando afinal?

 

Sou do tempo da guerra fria, do famoso botão vermelho que poderia acabar com o planeta, do filme “The day afther”. O tempo passou, até o muro de Berlin caiu e eu, besta, imaginava que a essa altura do campeonato estaríamos livres das guerras. Não sou tão ingênua, via outros problemas crescentes, mas novas guerras? Para meu constante espanto, elas só trocaram de nome, agora os exércitos se chamam forças para a manutenção da paz e as guerras, esforços para garantir a liberdade. Viva os americanos, os reis do marketing e das guerras. Mas vamos combinar que o resto do mundo aprendeu direitinho. E é aí que a vaca tosse, me preocupa se esse negócio de desvendar segredos do universo também não será transformado em uma metáfora de mal gosto.

 

Vou deixar meu ponto de vista mais claro, sou a favor. Do que consegui entender, acho essa parafernália show! Porém também acho que deveríamos estar, no mínimo, mais atentos e críticos ao que isso possa gerar.

 

9 comentários em “69 – O superacelerador de partículas”

  1. Oi Bi!

    hahahahahahhahahhahhaha

    Eu já conheço a frase de que a melhor maneira para guardar um segredo é se uma das duas pessoas que o compartilham esteja morta. 🙂

    E sobre estarmos mais atentos e críticos… deveríamos. Mas a História está aí para comprovar que as pessoas, normalmente, só prestam atenção nos “movimentos ruins” quando é tarde demais… infelizmente.

    De qualquer forma, sempre vai existir pessoas mais atentas, não é? Como vc e eu… hehehehehehehehe. E sobre essa tal máquina… fantástica, mas um verdadeiro perigo dentro do afã muitas vezes irritante e cientificista do homem em dominar a Natureza em seus quesitos mais elementares e impensáveis… o problema é que esta é a onda atual, e mudá-la será complicado – ainda mais porque, estás certa, ela abre portas para controlar possíveis armas de destruição e isso significa, para alguns, o poder tão sonhado de dar as cartas.

    Beijossssssssssss

  2. Bom, pelas notícias que andei vendo pelo menos o pessoal da área científica está delirando… foram mais de 20 anos projetando e executando a tal parafernália 100 metros abaixo da terra. Ontem eles deram a partida e parece que em alguns dias (20?) acontecerá o esperado. Dizem que vão explicar muitas coisas, as nossas origens é uma delas…enfim, um passo a mais. Confesso que tb fiquei bastante curiosa sobre o assunto e acabei fazendo o mesmo que a maioria das pessoas, deixei passar e escutei como se fosse mais uma reportagem falando da Madeleine… Vou pesquisar mais sobre o assunto que pode mudar tudo o que aprendemos no colégio! 🙂

  3. “Deixei passar e escutei como se fosse mais uma reportagem falando da Madeleine”… esse comentário da Glenda foi ótimo, porque é realmente assim que está todo mundo encarando isso.
    No meu trabalho, falaram que era um absurdo gastar nao sei quantos bilhoes de dólares em construir essa máquina com tanta gente morrendo de fome… e as piadinhas de final de mundo, entao? O Ernesto disse que vai ser depois de 20/10, entao já estaremos casados, já teremos viajado e curtido… ainda bem, porque depois de gastar 25 mil euros eu nao ter a minha festa por uma merda de buraco negro… hahahahahaha

    Falando sério agora, eu também nao tô entendendo nada direito porque nenhum meio explica direito!!! Detesto a imprensa espanhola, que nao faz didatismo! Ai que saudades do meu tempo de Folha de Sao Paulo (ops, tô exagerando)! Mas falando ´serio de novo, eu acho que é um tema muito bacana, muito sério, muito importante, e se der certo poderemos descobrir muitas coisas que hoje em dia nao temos nem idéia de como explicar, se existe ou nao existe… a velha história, de onde viemos e para onde vamos… também penso que pode rolar interesse imundo por baixo disso, mas ainda quero crer nos cientistas… eles descobriram as bombas, mas também descobriram as curas para várias doenças. Tenho fé. Sei lá, sou boba mesmo.

  4. Meninas, por enquanto, estou como vocês, curiosa e achando graça de algumas coisas. Mas sempre com a pulga atrás da orelha.

    Alessandra, 25 mil euritos… ca-ra-ca! Isso sim é uma notícia bombástica… hahahahahah… tudo bem, vai valer a pena!

    Besitos

  5. Oi Bianca
    Voce deve estar com os hormônios a mil, hahahahaha
    A facilidade de mudar de assunto é incrível, hahahahah
    Ai Deus.
    Beijos

  6. Oi, Marianne! Meus hormônios sempre foram enlouquecidos, acho que nunca voltaram ao normal depois da adolescência! Mas enfim, a vida é composta por várias coisas e vários assuntos ao mesmo tempo, né não? 😛

    Besitos

  7. Bianca,
    A só uma palavra sobre o que me provocou essa noticia: MEDO

    em mãos de quem vai parar esse poder?-sim, tenho medo
    o que se pode fazer com essa descoberta?-sim,tenho medo
    sera usado para que fim?-sim tenho medo

    Ainda tenho que ler mais sobre isso.

    Beijos.

Seja bem vindo a comentar! Sua resposta pode demorar um pouco a ser publicada.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s