78 – A perigosíssima mulher-búfala

Iniciada a temporada de inverno, sai de sua toca uma das criaturas mutantes mais perigosas do planeta frio. É a mulher-búfala! 

Sempre vestida com um horrendo e enorme casaco de pele marron-já-foi-sua-época, ela ganha ferozmente as ruas madrileñas. É especializada nas rebajas, promoções com significativos descontos. 

As representantes dessa raça, olhadas de longe, parecem inofensivas senhoras baixinhas, mas só de perto percebemos o perigo que essas massas corporais são capazes de representar. Normalmente são peitudas e, adicionando-se pelo menos quinze centímetros de casaco, não possuem nenhuma sensibilidade ao encostar em você. 

Isso me faz pensar, por que os policiais utilizam coletes à prova de bala? Deveriam usar esse casaco de pele marron. Além de ser mais eficaz contra a munição, o meliante que olhar para um policial assim vestido cairá indefeso no chão com um ataque de riso súbito! 

Enfim, essa couraça protetora utilizada pela mulher-búfala, faz com que ela seja o ser mais inconveniente a ser colocado atrás de você em um fila. E acredite, tudo aqui tem fila! Trata-se de uma estratégia malévola para que você ceda seu lugar para ela. É dificílimo aguentar a esse trator de neve na sua retaguarda, mas resista! Lembre-se da outra fila incomensurável que você já encarou no provador antes de estar ali, na fila de pagar a conta. Mais do que isso, lembre-se que se ela pagar antes de você, rapidamente se transformará em uma mulher-búfala-rolha, cheia de sacolas de compras, entalada na porta de saída da loja. Provavelmente, ela seguirá com esse bloqueio na sua frente pelas calçadas até que ela consiga te irritar e te distrair tanto que você certamente pisará em um cocô de cachorro. 

E se você achou ruim quando ela estava atrás de você, cuidado! Fica pior quando ela vem na sua direção. De nenhuma maneira a olhe nos olhos! Isso é muito perigoso, pois elas sempre usam uma sombra verde ou azul, cuja cafonice extrema pode provocar danos em sua retina, além de seqüelas emocionais que podem durar por vários pesadelos. 

Finalmente, o pior de tudo: elas possuem amigas! Não tive essa experiência traumática, mas Luiz uma vez encarou sozinho uma manada inteira de búfalas casacudas na saída do El Corte Inglés! Coitado! Chegou em casa pálido e com o olhar perdido. Sobreviveu, embora nunca mais tenha sido o mesmo… 

Infelizmente, devo dizer que contra elas não há estratégia de ataque, você não tem chance! A única maneira de reagir é defendendo-se. Quando perceber que uma mulher- búfala se aproximará de você, fuja, mas fuja rápido! 

Seja bem vindo a comentar! Sua resposta pode demorar um pouco a ser publicada.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s